Aprendizagem Socio Afetiva: 6 dicas para praticar o autoconhecimento com seu filho

Aprendizagem Socio Afetiva: 6 dicas para praticar o autoconhecimento com seu filho

6 dicas para praticar o autoconhecimento com seu filho

 

autopercepcao

por: Thamara Tabera e Priscila Tenenbaum

Uma das habilidades importantes de uma pessoa resiliente é o Autoconhecimento. Isso significa ser capaz de identificar seus processos internos: seus pensamentos e sentimentos – e notar seus gatilhos. E é na infância que aprendemos a fazer isso! Você poderá ajudar o seu filho nessa etapa do desenvolvimento seguindo as dicas abaixo:

  1. Identificar, nomear e perceber o que se sente é uma estratégia que temos para  lidar com o sentimento. Peça para seu filho mostrar no corpo onde sente e como sente.
  2. Valide a emoção do seu filho. Tente compreender o que está gerando a emoção: coloque-se no lugar dele para assim ajudá-lo a entender e superar o que estava sentindo. Lembre-se que quando criança você também tinha medos que hoje parecem pequenos na vida de adulto. Não menospreze os sentimentos do seu filho.
  3. Tente buscar o que seu filho estava pensando quando se sentiu de alguma forma e tem algum comportamento que ocasionou determinado sentimento e reação, tantos nos positivos quanto nos negativos.
  4. Demonstre e fale sobre o que você sente nas situações da rotina, fazendo o seu filho perceber que todos nós sentimos.
  5. Deixe seu filho descobrir o que acha fácil e difícil de realizar, valide a percepção individual dele.
  6. Busque recursos que seu filho possa utilizar para se acalmar em momentos que a raiva, o estresse e o medo tomam conta.